Central com 142 mil painéis solares inaugurada no Alentejo

O governo inaugura uma ?nova vaga? de centrais solares que vão triplicar produção de energia.

É inaugurada hoje uma central solar gigante no Alentejo, que vai produzir eletricidade para 25 mil casas. Tem 142 mil painéis solares ao longo de quase 100 hectares junto à aldeia de Grandaços, no concelho de Ourique.

“Vai ser a primeira central com esta dimensão (na Europa) sem custos para os utilizadores”, diz o ministro da economia, Manuel Caldeira Cabral, à agência Lusa, “sem subsídios à produção. O que fizemos foi criar condições de concurso para quem queira investir nesta área”.

A central, que tem 30 anos de vida útil e uma potência total instalada de 46 megawatts distribuídos por 142 mil painéis solares, vai produzir 80 gigawatts-hora de energia por ano, o suficiente para garantir o consumo de aproximadamente 25 mil famílias, adiantou a companhia.?

Esse parque de 46 megawatts é o primeiro de um conjunto relativamente amplo de parques que vamos estar a inaugurar nos próximos três anos e que vão trazer um triplicar da capacidade solar até 2021 e, provavelmente, uma multiplicação por seis na capacidade de produção a partir de energia solar até 2025?, referiu o ministro da economia.

Fonte: Rádio Comercial