Esta é a primeira rede de energia solar que a Tesla montou para ajudar Porto Rico

Os estragos causados pelo furação Maria em Porto Rico foram tão grandes que, um mês depois do desastre, a maior parte da ilha continua sem energia elétrica. Elon Musk prometeu ajudar e assim o fez: a primeira rede de painéis solares da Tesla já foi montada na região. É a primeira de muitas, garante a companhia.

No início do mês, Musk foi questionado no Twitter sobre a possibilidade de fornecer sistemas de energia solar e baterias para Porto Rico. Toda ajuda é bem-vinda. O governo local estima que a rede elétrica da região precisará de pelo menos seis meses para ser completamente restaurada. Musk respondeu prontamente que estava disposto ajudar, só precisava de um sinal verde das autoridades.

Pouco tempo depois, Musk tratou do assunto com Ricardo Rossello, governador de Porto Rico. O resultado é este: a primeira rede de energia solar da Tesla foi instalada no Hospital del Niño, localizado na cidade de San Juan.

Questão de prioridades, obviamente. Poucos dias antes, o ex-governador Alejandro García Padilla divulgou uma foto mostrando médicos tendo que operar um paciente com auxílio de celulares e lanternas.

Alejandro @agarciapadilla
This is what POTUS calls a 10! Surgery performed with cellphones as flashlights in Puerto Rico today.

Montada no estacionamento do hospital, a rede da Tesla combina aproximadamente 700 painéis solares com três baterias Powerpack de 210 kWh e algumas baterias Powerwall de 13,5 kWh. Durante o dia, os painéis serão capazes de gerar cerca de 200 kWh. À noite, as baterias darão conta do fornecimento de energia, pelo menos para os procedimentos mais importantes.

A rede foi montada em menos de uma semana. A Tesla assegura que outras serão construídas em breve, mas não informou em quais pontos, tampouco quantas. Além do fornecimento de energia solar, Elon Musk fez uma doação de US$ 250 mil para apoiar os esforços humanitários em Porto Rico.

Vale lembrar que a ajuda tecnológica não vem só da Tesla. Em parceria com a AT&T, o Google colocou em operação os balões do Project Loon para fornecer acesso à internet via rede LTE na região. As estimativas oficiais dão conta de que quase 70% das torres de telefonia celular de Porto Rico estão fora de operação.

Com informações: Mashable

Fonte: tecnoblog