Governador estadual autoriza projeto para instalação de energia fotovoltaica em habitações sociais

images_stories_2016_agosto_marconiagehab

O governador Marconi Perillo (PSDB) autorizou, nesta terça-feira (30), a execução de projeto de implantação de energia fotovoltaica em unidades habitacionais em Goiás, construídas com recursos do programa Cheque Mais Moradia, executado pela Agência Goiana de Habitação (Agehab).

A autorização foi concedida durante reunião com o presidente da Agehab, Luiz Stival, e representantes da Celg Distribuição. Inicialmente, a previsão é de que sejam instaladas 1 mil moradias. Além disso, serão realizadas ações para proporcionar maior economia às famílias como a troca de lâmpadas normais pelas de Led, implantação de sistema de captação de energia solar e módulos de geração fotovoltaica.

Com o investimento, o objetivo é a economia de 84,9% ao mês. Os primeiro municípios a receberem o benefício são Alto Paraíso, com 40 unidades; Caçu, com 270 e Pirenópolis, 149. Em Palmeiras de Goiás, existem dois projetos: um com 260 unidade e outro com 480. As instalações devem ser realizadas até dezembro deste ano.

O sistema fotovoltaico possibilita a geração de energia pela luz solar e ainda permite a venda do excedente, gerando um crédito com a concessionária elétrica. A chamada casa-modelo já foi montada no Jardim Curitiba II, região Noroeste de Goiânia, onde funciona o ponto de apoio do programa de regularização fundiária, Casa Legal – Sua Escritura na Mão.

Outra ideia, proposta pela Agehab, é aproveitar resíduos gerados pelo sistema de tratamento de água e da construção civil para fabricação de tijolos, que serão usados nas habitações dos programas sociais. A parceria deve englobar ainda a Secretaria de Meio Ambiente e Cidades (Secima), a Saneago e a Superintendência Executiva de Administração Carcerária do Estado de Goiás, que já conta com fábricas de tijolos e blocos ecológicos.

Fonte: Portal 730