Justiça Federal do ES começa a captar energia solar no estacionamento da sede

A expectativa é de gerar uma economia mensal de R$ 7,5 mil, o que representa R$ 90 mil por ano. O custo do sistema foi de cerca de R$ 460 mil.

Justiça Federal instala painéis de energia solar em Vitória (Foto: Vinícius Gonçalves/ TV Gazeta)

Justiça Federal instalou painéis de energia solar no estacionamento da sede do órgão, em Vitória, para ajudar na redução de gastos no local. Do painel, a energia passa por um sistema que a torna disponível nas tomadas.

De acordo com o diretor de Obras e Manutenção da Justiça Federal, Carlos Chaves Damásio, a expectativa é de gerar uma economia mensal de R$ 7,5 mil, o que representa R$ 90 mil por ano. O custo do sistema foi de cerca de R$ 460 mil.

A previsão é que o valor investido na ferramenta seja ‘ressarcido’ em cinco anos e que a duração do sistema seja de 25 anos.

Consumidor individual

O professor da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), Paulo José Mello Menegáz, explicou que qualquer pessoa pode ter as placas de energia solar em casa, mas destacou o preço alto.

“Para um apartamento de três, quatro quartos, o preço médio das placas é de R$ 20 mil”, disse.

O professor ainda disse que “se a pessoa conseguir financiamento pode viabilizar o investimento, mas o tempo de retorno vai ser um pouco maior, porque a quantidade de energia que ela consome é menor”.

Em valores médios, uma família que pagava cerca de R$ 250 de energia pode passar a pagar R$ 50, já que existe a tarifa fixa devida à concessionária. “Não dá para zerar a conta”, pontuou.

Fonte: G1