Mercado de Energia eólica no Brasil reúne especialistas e autoridades para debater cenários de crescimento do setor

Fonte de energia limpa e renovável, a eólica tem se destacado também, nos últimos anos pelo potencial competitivo de mercado em todo mundo. De acordo com o mais recente Relatório Anual Global de Energia Eólica divulgado pelo Global WindEnergy Council (GWEC), mais de 52 GW de energia eólica limpa e livre de emissões foram adicionadas em todo o mundo no ano passado, levando ao total de instalações a 539 GW globalmente. No Brasil, a energia eólica chega a 13 GW de capacidade instalada, abastecendo indústrias, comércios e residências. No próximo mês, o futuro e as perspectivas deste setor serão alvo de debates durante o principal evento de energia eólica da América Latina, o Brazil Windpower | Conferência e Exposição, que segue para a sua 9ª edição, de 7 a 9 de agosto, no Rio de Janeiro.

Realizado pela Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), pelo Conselho Global de Energia Eólica (GWEC) e UBM|Grupo CanalEnergia, o Brazil Windpower irá reunir os principais especialistas do setor de energia eólica, nacionais e internacionais; players do mercado; executivos e autoridades de governo; além de aproximadamente 80 expositores, representados pelas maiores empresas da cadeia produtiva da indústria de energia eólica.

Atualmente, o Brasil conta com mais de 13 GW de capacidade instalada de energia eólica em mais de 520 parques eólicos, o que significa cerca de 6.600 aerogeradores em operação pelo País, 80% deles no Nordeste. Essa infraestrutura gerou, no ano passado, 40,46TWh de energia, representando um crescimento de 26,2% em relação à geração do ano anterior e abastecendo, mensalmente, uma população de cerca de 67 milhões de pessoas (cerca de 22 milhões de residências).

Em média, no ano passado, 7,4% de toda a geração injetada no Sistema Interligado Nacional veio de eólicas, sendo que elas chegaram a abastecer mais de 10% do País em agosto e setembro, meses que fazem parte do período chamado de “safra dos ventos”. Nos próximos 4 anos serão R$60 bilhões em investimentos já garantidos por contratos e 150 mil novos empregos diretos e indiretos gerados por contas destes novos projetos. Resultados de um mercado extremamente promissor.

Brazil Windpower- Os três dias de evento contam com palestras, painéis de debates, workshops e feira de negócios. Na última edição, em 2017, o Brazil Windpower | Conferência e Exposição obteve um público presente de mais de 2.500 participantes e mais de 650 congressistas renomados. Segundo os organizadores do evento, a exposição, desde as últimas edições, vem refletindo o bom momento vivido pela indústria eólica, com um ambiente de ótimas oportunidades de negócio, propício a novos investidores. Dentre seus participantes, mais de 68% possuem forte poder de influência e decisão em suas empresas.

O BWP está com inscrições abertas por meio do site do evento, e é possível acessar o evento a partir de 125 reais . Estão disponíveis três tipos de credenciais: Congressistas (acesso a todo o evento, palestras, workshops e feira, todas as refeições do evento); Congressistas O&M (acesso ao congresso O&M, almoço e feira de negócios/ workshops no 2º dia); e Visitante da Feira (um dia de acesso à feira e workshops).

Website: http://www.brazilwindpower.com.br/

Fonte: Exame