Mercado de franquias cresce e energia solar é destaque

Uma pesquisa divulgada recentemente pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostrou que o setor de franchising brasileiro segue em franca expansão. Segundo os dados levantados, as franquias faturaram R$ 44,4 bilhões no terceiro trimestre deste ano, que compreende os meses de julho, agosto e setembro. Esse número representa um aumento de 6,3% em relação ao mesmo período do ano passado.

A rede de franquias Solarprime, que atua no ramo de energia solar, é um exemplo da expansão do segmento de franchising. Durante o terceiro trimestre do ano, a Solarprime abriu 20 novas unidades no país. Atualmente, a empresa já conta com 132 franquias, divididas em 19 estados, além do Distrito Federal.

O próprio setor de energia fotovoltaica tem crescido em ritmo acelerado, criando oportunidades de investimento com alto retorno. Segundo dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), entre meados de 2013 e o fim de 2018, a quantidade de unidades de microgeração de energia passou de 23 para mais de 48 mil, sendo 99% delas de energia solar.

Mais de dois terços desse montante – cerca de 27 mil unidades – são conexões residenciais. A Aneel ainda estipula que, até 2024, o mercado atingirá 886,7 mil unidades consumidoras instaladas, totalizando uma potência de aproximadamente 3,2 GW.

Além disso, a localização geográfica do Brasil é uma forte vantagem para o setor. Isso porque o país recebe um elevado índice de irradiação solar durante todo o ano, equivalente a 5,4 quilowatt-hora/metro quadrado. Esse número é maior do que em locais como Estados Unidos, China e Alemanha, por exemplo.

Os incentivos regulatórios e fiscais que o governo tem oferecido para a área também colaboram para o avanço. Entre eles, destacam-se a criação das modalidades de autoconsumo remoto e de geração compartilhada – sistema de compensação em que a energia excedente produzida gera créditos, que podem ser compensados nos custos da conta de luz do próprio imóvel ou de um local diferente, desde que seja atendido pela mesma concessionária de energia.

Modelos de negócios

Segundo o presidente da ABF, Altino Cristofoletti Junior, para manter a taxa de crescimento, o setor de franchising brasileiro buscou inovar em formatos, mercados e perfis de públicos. O investimento em novas tecnologias digitais também é uma aposta que tem ajudado a aprimorar as operações.

No caso da Solarprime, o modelo de operação tem o franqueado como responsável pelas vendas e instalação dos sistemas. Já a franqueadora oferece todo o know-how do negócio, que engloba a gestão estratégica comercial, o marketing e um suporte técnico e comercial constante. Além disso, fica encarregada do desenvolvimento dos projetos, da logística e da conexão às distribuidoras de energia.

A empresa tem apostado na diversidade de modelos de negócio para se adequar aos diferentes estilos de investidores: são oferecidos quatro estilos diferentes de franquia, o que atrai um número maior de interessados.

No Home Office, o futuro empreendedor começa o seu negócio com um investimento inicial mais baixo, já que pode realizar as atividades sem um ponto comercial fixo. Assim, mesmo sem gastar com a estrutura física da empresa, o franqueado ainda tem acesso a todo o suporte e know-how oferecido pela matriz.

Outro modelo oferecido é o Business In, indicado para empresários que já possuem um ponto comercial ativo em ramos como construção, elétrica, hidráulica ou escritórios de engenharia. Por meio desse formato, é construído um espaço fixo da Solarprime dentro do próprio negócio já estabelecido.

Já no formato de Business Partner, o franqueado estabelece uma parceria para a montagem de um espaço Solarprime dentro de uma loja já existente, também nos ramos de  de construção e engenharia.

Por fim, existe ainda a Loja Premium, ponto comercial exclusivo para os serviços da franquia. A Loja Premium oferece um espaço de atendimento personalizado, com design arquitetônico voltado para proporcionar a melhor experiência ao cliente.

Um dos maiores benefícios da Solarprime é que todas as modalidades de negócios oferecidas se enquadram na categoria de microfranquias, inclusive o modelo de loja premium.

Treinamento

Outro fator que garante o sucesso das franquias Solarprime é o treinamento oferecido a todos os franqueados que entram na rede. Realizado mensalmente na matriz da empresa, localizada em Campinas (SP), o treinamento intensivo tem duração de uma semana

Durante esse período, são abordados todos os assuntos relacionados ao negócio, como estratégias de vendas, marketing e gestão, além de uma capacitação técnica sobre energia solar. Também são entregues manuais de apoio, esclarecendo temas como implantação e operação técnica.

Consultoria

Após a etapa de treinamento, os franqueados seguem amparados continuamente pelo suporte da Solarprime, com um consultor à disposição para prestar assistência em todas as etapas do funcionamento da franquia, como engenharia, marketing, comercial, financeiro e técnico.

Esse trabalho de consultoria permanente garante todos os pilares essenciais para o sucesso do negócio e o crescimento da franquia.

Projeção de mercado

Para Sandro Cubas, gestor de franquias da Solarprime, a principal vantagem de ser um franqueado da Solarprime é iniciar a trajetória da empresa com uma bagagem de 5 anos de experiência e mais de 130 franquias no portfólio: “o cliente pensa mil vezes antes de colocar o dinheiro na mão de quem está começando ou em confiar em quem já é líder de mercado, especialmente em um projeto que não tem muito conhecimento e é novidade, como a energia solar. A franquia gera confiança no consumidor, pois ele tem a certeza de que vai investir em uma empresa consolidada de qualidade garantida”, afirma.

Outro ponto positivo de ser uma franquia são os ganhos de escala, ou seja, o franqueado tem acesso a equipamentos com menor custo, o que permite maior competitividade e giro de vendas no negócio.

Além disso, a Solarprime conta com uma equipe de marketing especializada, que elabora estratégias otimizadas para o setor de energia solar, com redes sociais e site exclusivos para cada unidade.

Segundo Cubas, a expectativa é de que os números sigam crescendo e que a rede feche 2019 com 350 franquias, atendendo a todos os estados do país.

Website: http://solarprime.com.br
Fonte: Abril