Nova telha solar fotovoltaica brasileira é alternativa às placas solares

O Brasil dá outra vez cartas no plano energético, aliando inovação à tecnologia, o que resulta em sustentabilidade. Green Tile apresentou a sua primeira telha solar fotovoltaica.

Uma empresa gaúcha lançou a Green Tile, a primeira telha fotovoltaica do Brasil.

Alguns países desenvolvidos como Estados Unidos, Alemanha, Itália, China ou Japão já têm acesso à tecnologia solar fotovoltaica há alguns anos e o Brasil com o seu grande potencial começa a investir neste mercado.

Graças ao seu clima com um grande número de dias com sol durante o ano, cada vez mais existem pesquisas e investimentos na área energética que aumentam a olhos vistos e  além da vantagem financeira, de mais de 90% na conta de eletricidade, a produção desta energia não produz resíduos que causam danos ao ambiente. Alem de tudo, a energia do sol está sempre disponível, é limpa e natural.

A Green Tile foi uma ideia que surgiu num pais com uso recorrente desta energia. Gustavo Disegna, o Gerente de Projetos da Forte Plásticos, empresa que criou a telha, foi para a China em 2013 e visitou a Canton Fair, a maior feira de negócios do mundo. Ao conhecer cidades como Hong Kong e Beijing, ficou impressionado com o desenvolvimento nas áreas de led e energia fotovoltaica.

Quando voltou ao Brasil, aprofundou-se no assunto, e começou a pensar num produto que integrasse a geração de energia e a casa, de forma sustentável.

Foi assim que nasceu a Green Tile. Gustavo sabia dos desafios que poderia ter de enfrentar, como por exemplo, um mercado ainda em desenvolvimento e com pouco investimento seu país e claro, o grande investimento económico gasto em testes necessários para testar a eficácia e sustentabilidade da telha, e foi por isso que a empresa esperou e estudou o projeto antes de lançá-lo.

Ao mesmo tempo, as pesquisas e o acompanhamento do mercado fotovoltaico no Brasil e no mundo avançaram, e em 2015, o projeto Green Tile foi inscrito num edital de inovação do SENAI, e depois de duas tentativas, foi examinado com alta pontuação, e assim pôde aperfeiçoar o seu produto em parceria com a instituição, em 2017.

Desde desta altura, a Forte está a desenvolver a primeira telha solar fotovoltaica do Brasil, lançada na 22º Construsul – Feira Internacional da Construção, em Porto Alegre, em agosto, uma das maiores feiras do setor da arquitetura e construção civil do Brasil.

Principais vantagens das telhas solares fotovoltaicas da Green Tile

  • A telha solar fotovoltaica Green Tile tem o mesmo tamanho de uma telha tradicional;
  • É perfeitamente compatível com os telhados comuns;
  • As telhas solares fotovoltaicas podem-se misturar com telhas tradicionais;
  • As telhas Green Tile permite uma nova função aos telhados, a de produzir energia elétrica;
  • Forma de instalação muito simples e fácil;
  • Fabricante fornece garantia de 80% de produção de eletricidade durante 25 anos.

A empresa Forte lança a Green Tile como o seu produto tecnológico mais importante até agora, e dentro da sua linha Fortenergy, procura aumentar o leque de soluções no conceito da utilização de energia fotovoltaica, aliando eficácia, sustentabilidade e tecnologia.

Video Telha Solar Green Tile – Parceria Senai e Forte

Fonte: Portal Energia