O estado brasileiro que tomou a dianteira da geração caseira de energia solar

Tarifa de energia cara, nível de irradiação solar alto e isenção de ICMS para energia gerada em casa são alguns dos fatores que explicam o protagonismo de Minas Gerais.

“Sozinho, o estado de Minas Gerais responde por quase um terço da capacidade total instalada no país em geração distribuída fotovoltaica.”

“Cinco anos após a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que permitiu aos consumidores gerarem a própria energia, um estado brasileiro despontou na geração caseira. É nos telhados das residências e estabelecimentos de Minas Gerais que estão instaladas a maior parte das usinas fotovoltaicas do país. São 8.124 unidades e 139 megawatts (MW) de potência de geração distribuída, mais do que o dobro da capacidade do Rio Grande do Sul, segundo colocado. Esse número é a soma de todas as fontes, mas a fotovoltaica predomina.”

Fonte: Gazeta do Povo