Ônibus elétrico movido a energia solar da WEG completa 100 mil quilômetros rodados

Projeto inédito é fruto de uma parceria entre a multinacional brasileira WEG e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

O primeiro ônibus elétrico movido a energia solar do Brasil, desenvolvido pela multinacional brasileira WEG, acaba de completar 100 mil quilômetros rodados e 30 mil passageiros transportados.

O projeto inédito é fruto de uma parceria entre a companhia brasileira e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O veículo movido a energia solar começou a circular em 2017 na capital catarinense, com o objetivo de transportar alunos, professores e funcionários da instituição.

Batizado de eBus, o ônibus elétrico, faz o percurso diário de 50 quilômetros entre o campus da UFSC e o Centro de Pesquisa e Capacitação em Energia Solar Fotovoltaica, no Sapiens Parque, com a redução em um terço no tempo gasto para o deslocamento.

O próprio Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e aportou cerca de R$ 1 milhão para o desenvolvimento tecnológico do projeto. Embora a parceria com governo federal termina em junho desta ano, a USFC já anunciou que pretende levar adiante o aprimoramento e os estudo com o ônibus elétrico.

Todo o sistema de propulsão elétrica do ônibus foi desenvolvido e fornecido pela WEG, além de outras peças estruturais. A tecnologia permite levar a energia das baterias até o inversor de tração que controla o motor e entrega a força para o veículo se movimentar.

Outro diferencial tecnológico é o sistema de frenagem regenerativa. O próprio movimento das rodas gera energia cinética e, no momento em que o veículo freia, esta energia é enviada novamente para as baterias como forma de otimização e reaproveitada.

O ônibus traz ainda o conceito de “Deslocamento Produtivo”, com sistemas de Internet Wi-fi de alta velocidade à bordo, além de uma mesa de reuniões para que professores e estudantes.

Fonte: Portal Solar